Gripe

A gripe, também conhecida como vírus influenza, é altamente contagiosa e facilmente transmitida de pessoa para pessoa. A gripe causa vários sintomas desconfortáveis como nariz entupido, garganta inchada, dores corporais e fadiga. A maioria das pessoas consegue combater a gripe dentro de uma semana ou mais tempo, porém certas pessoas estão em risco elevado relativamente a este vírus.

Os jovens, os idosos e as pessoas com condições de saúde subjacentes, podem desenvolver complicações como resultado da gripe, pelo que devem procurar tratamento se demonstrarem sinais de infecção.

O Tamiflu é o principal antiviral disponível para o tratamento da gripe, que para além de aliviar os sintomas e acelerar o tempo de recuperação das pessoas com sintomatologia, pode também proteger contra o vírus se tiver contactado com alguém infectado.

RocheFabricado por
Tamiflu

O Tamiflu é um tratamento eficaz para a gripe. Se tomado dentro de 48 horas após os primeiros sintomas, pode reduzir significativamente os sintomas desconfortáveis e acelerar o seu tempo de recuperação. O Tamiflu, cujo princípio activo é o oseltamivir também pode ajudar a proteger contra a infecção no caso de achar que sofreu o contágio por parte de alguém com gripe.

O que é a gripe?

A gripe é causada por um vírus RNA que infecta o tracto respiratório e é transmitido por contacto directo ou por gotículas de saliva. O vírus da influenza replica-se no tracto respiratório e danifica as células do hospedeiro.

O vírus da gripe ou influenza pode ser dividido em três tipos: tipo A, B e C. O tipo C é o mais ligeiro dos três e raramente leva a consequências graves. Os tipos A e B são mais graves, sendo o tipo A o mais severo. As novas estirpes destes vírus evoluem após alguns anos e podem disseminar-se rapidamente a nível global. As formas mais virulentas do vírus nos últimos anos são a gripe suína e a gripe das aves, ambas causadas pelo tipo A.

Tipos de Vírus da Gripe Influenza

Cada vírus tem sintomas semelhantes e infecta os seus pulmões e vias aéreas superiores, causando um súbito aumento da temperatura e dor em geral. Tipicamente, todos os anos, vão estar presentes uma ou duas estirpes de influenza A a circular, bem como uma estirpe do tipo B. Nem todas as estirpes são igualmente perigosas, nem alastram da mesma forma, sendo a influenza A e a B as mais comuns.

anatomia vírus da gripe

Gripe A / Influenza A

A influenza A tem o potencial de ser o mais perigoso e prejudicial dos três tipos de vírus da gripe. Predominantemente encontrada em pássaros selvagens, a estirpe A pode e tem sido transmitida entre diferentes espécies animais, incluindo humanos. Quando é transmitida, a estirpe altera-se e o vírus pode evoluir sem problema. Quando isto ocorre, em conjunto com o facto de a influenza ser um vírus altamente contagioso, podem ocorrer pandemias e surtos massivos do tipo A. A gripe suína e a gripe das aves são ambos exemplos do tipo A que evoluíram através das espécies resultando num vírus potencialmente mortal.

Estes vírus podem também ser divididos em diferentes subtipos dependendo do tipo de proteínas presentes na sua superfície, denominadas hemaglutinina (H) e neuraminidase (N). Por exemplo, a gripe suína é também conhecida como H1N1 e a gripe das aves é conhecida como H5N1.

Gripe B / Influenza B

A influenza B é mais frequentemente encontrada em humanos. É o tipo mais simples de gripe que pode ter, uma vez que este não tem uma forte capacidade de sofrer mutação e evoluir, tornando o vírus estável. Como o vírus se mantém o mesmo, foi criada uma cura e as pessoas que sofrem deste tipo podem ser tratadas relativamente fácil e eficazmente. A estirpe B sofre mutações três vezes mais devagar que a estirpe A e por isso, os humanos são capazes de desenvolver imunidade contra esta desde tenra idade.

Gripe C / Influenza C

O tipo C é o tipo menos comum de influenza e pode ser encontrado em cães, porcos e humanos. Raramente infecta adultos, mas pode infectar crianças pequenas. Não desencadeia epidemias mas pode causar infecções respiratórias e complicações no caso de uma pessoa ser infectada.

Influenza A Influenza B Influenza C
Mais perigosa
Menos perigosa
Mais comum
Menos comum
Causa a maioria das pandemias
Menos provável de causar pandemias
Mais comum em crianças do que em adultoss
Grande capacidade de sofrer mutações e evoluir para estirpes mais perigosas

Quais são as estirpes mais perigosas da gripe?

O tipo A é a única estirpe que causa perigo de vida. A razão para isto é que os subtipos que sofreram mutação podem ocorrer sem aviso. Estes subtipos, como a gripe suína e a gripe das aves, que podem atacar humanos, são novas estirpes do vírus para os quais ainda não existem tratamentos disponíveis. O tempo que demora a desenvolver novos tratamentos permite que o novo subtipo se alastre, motivo pelo qual as pandemias começaram. O subtipo alastra-se rapidamente e infecta muitas pessoas. Até ser encontrada uma cura ou a contaminação estar controlada, o vírus da influenza pode causar muitas fatalidades, especialmente em áreas onde as pessoas não tem acesso a tratamento adequado.

A gripe é grave?

A maioria dos sistemas imunitários humanos são suficientemente fortes para resistir ao vírus e apesar de poderem experienciar alguns sintomas desagradáveis, a maioria das pessoas recupera dentro de uma semana, com apenas alguns sintomas a persistirem por mais tempo. Pessoas com condições pré-existentes como a asma, a doença pulmonar, o cancro, grávidas, crianças e idosos, podem ter um risco agravado. A gripe pode deixar estas pessoas mais susceptíveis a infecções graves como a pneumonia, potencialmente fatal.

Os grupos de risco devem procurar um tratamento ou prevenção do vírus da gripe de forma a se protegerem contra o vírus. Outros podem beneficiar deste tratamento e reduzir a severidade dos sintomas, bem como acelerar o tempo de recuperação.

Quais são os sintomas da gripe?

Os sintomas da gripe são abruptos, desenvolvem-se rapidamente e incluem:

  • Dores de cabeça
  • Cansaço
  • Febre (geralmente alta) e arrepios
  • Tosse
  • Garganta inchada
  • Nariz entupido
  • Dores corporais

Qual a diferença entre uma gripe e uma constipação?

Os sintomas da gripe são facilmente confundidos com os sintomas da constipação, por serem bastante semelhantes. Os sintomas de constipação não são tão graves como os sintomas da gripe e raramente se desenvolvem complicações de saúde. É importante reconhecer a diferença entre os sintomas da gripe e os sintomas da constipação, porque os medicamentos antivirais como o Tamiflu, eficazes no tratamento da gripe, devem ser tomados assim que os sintomas da gripe aparecerem.

Saber a diferença entre uma constipação, que não é muito grave, e uma gripe, que pode levar a complicações de saúde, é primordial para um diagnóstico correcto. Os sintomas da gripe desenvolvem-se muito rapidamente, enquanto os sintomas da constipação se desenvolvem lentamente. A tosse é geralmente o primeiro sintoma da gripe, porém sem congestão. A constipação geralmente começa com congestão nasal ou garganta inchada. Se tiver uma constipação, não precisa recorrer ao tratamento para a gripe.

Contudo, tanto a constipação como a gripe podem levar a nariz entupido, dores de cabeça e tosse, mas só a gripe causa febres altas. O aparecimento da febre é muito rápido e ocorre logo nas fases iniciais da gripe. Muitas vezes nos primeiros dias da gripe, as febres altas são acompanhadas de arrepios e dores fortes no corpo, mais especificamente nas costas e pernas. O aparecimento repentino das dores, febre e muitas vezes fadiga obriga as pessoas a ficarem de cama durante alguns dias.

Os sintomas da gripe duram mais tempo que os sintomas de constipação. Se estiver a sofrer de uma constipação, a causa permanecerá no seu corpo cerca de 1 semana. O vírus da gripe permanece no corpo até 3 semanas e se não é tratado rapidamente deixa as pessoas extremamente cansadas, doentes e sem energia.

Que opções de tratamento existem?

Aqueles que não se encontram no grupo de risco, podem recuperar naturalmente da gripe. O descanso e a ingestão de fluidos são recomendados, enquanto o corpo combate os sintomas naturalmente. Podem ser usados medicamentos de venda livre para aliviar os sintomas, como o nariz entupido e a garganta inchada, estando disponíveis em farmácias e parafarmácias. O tratamento da gripe pode ser utilizado para acelerar o tempo de recuperação e reduzir a severidade dos sintomas desconfortáveis.

Encomendar medicamentos de prescrição online

A gripe é uma doença muito contagiosa que dá origem a epidemias difíceis de controlar. É por isso difícil para os pacientes com gripe deslocarem-se a consultas físicas, devido aos sintomas debilitantes desta condição e ao risco de contágio para a população. O nosso serviço médico online permite o aconselhamento médico e o tratamento da sua condição, sem que seja preciso sair de casa. Para que receba tratamento requeremos que preencha uma consulta online com dados sobre o seu estado de saúde em geral e a sua condição em particular. Esta consulta irá permitir aos nossos médicos avaliar a adequação do paciente ao tratamento e prescrever uma receita para o mesmo. A receita é posteriormente enviada à nossa farmácia para que a entrega do medicamento seja feita no dia útil seguinte em toda a Europa.